CLAROS SINAIS DE LOUCURA VERSÃO NANOWRIMO

novembro 22, 2015

Talvez a terceira semana do NaNoWriMo foi uma semana de revelações, surtos, choros, risadas, batalhas, vitórias e animação. Mas na verdade só foi mais uma semana em que eu percebi que eu sou realmente louca por estar fazendo isso. A semana de desanimação do NaNo foi transferida da segunda para a terceira semana e eu não recebi o email avisando, por isso quando a semana começou, eu já estava desistindo de toda o mês maravilhoso que eu havia planejado.
Como eu havia avisado no último post, eu terminei de escrever o plot principal da história e, no domingo (15), eu me vi sem nada para escrever mais 26k de palavras para escrever. De alguma forma, eu consegui escrever um capítulo e um epílogo a mais na história, assim concluindo o livro com 24 capítulos + prólogo e epílogo, 72 páginas em A4 (calibri, 12) e 25k completos.
Bom, eu havia prometido que iria começar a escrever algumas cenas com o POV da Kaia, porque eu passei as primeiras duas semanas tendo alguns pensamentos dela na cabeça, porém quando eu estava preparada para escrever as cenas eu acabei tendo um bloqueio enorme. Acho que é porque eu preparei essa história para ser contado de um certo ponto de vista e eu acho que mesmo se eu souber demais, eu posso acabar prejudicando a minha visão na hora de escrever - o que já está acontecendo um pouco, uma vez que eu não tenho afinidade nenhuma com a personagem principal, apesar dela ter várias características que eu me identifico. Eu acabei terminando a segunda-feira (16) sem conseguir bater a meta e com uma cena a mais com o POV da Valentina.
Eu estava determinada a escrever cenas com a Kaia, porque ela é uma personagem que precisa de muita atenção e eu gosto muito dela - não sei o que faria com essas cenas, mas eu sentia esse necessidade e lutei contra a Valentina o dia todo na segunda-feira. O resultado: eu sonhei de segunda para terça (17) com a Valentina e foi a coisa mais surreal que eu já tive. Eu acabei sonhando com várias cenas como se a personagem estivesse me contando várias coisas que aconteceram - talvez vocês me chamem de louca nesse momento, mas foi a melhor coisa que aconteceu nessa semana. Quando eu acordei, eu consegui marcar tudo o que aconteceu no sonho e à tarde eu acabei escrevendo duas cenas que eu achei importantíssimas para a história e agora preciso achar um lugar para elas no plot original. Na terça também eu terminei e fechei a playlist oficial do livro - que está no final da página de extras - , que eu fiquei muito feliz com o resultado dela e tem muito significado para o livro todo.
Na quarta-feira (18), eu passei o dia todo na faculdade e precisava escrever bastante naquele dia para recuperar o ritmo. Todas as quartas, o NaNoWriMo faz um virtual write-in e eu acabei participando, o que foi a melhor decisão que tomei naquele dia, porque consegui escrever a meta do dia em uma hora de write-in - finalmente alcançando os 30k. No write-in, eles inventam alguns prompt (sugestões para serem escritas) e eu resolvi seguir os prompts, o que acarretou em várias novas cenas e várias ideias novas para a história.
Na quinta-feira (19), eu precisava ultrapassar a minha meta diária e revolvi desenvolver as cenas que havia escrito no write-in, o que me fez chegar nos 32k e uma fé renovada sobre a semana toda. Eu esperava escrever bem mais, porém não estou no lugar de ficar me diminuindo e acabar desistindo por completo do projeto.
Na sexta-feira (20), eu viajei e acabei ficando sem escrever até domingo (22). Eu não consigo escrever quando estou viajando e eu precisava muito dessa viagem, porque já vai fazer um mês que estou sem ir para São Paulo e a faculdade tem sido uma pressão enorme - a causa por eu ter passado mal várias vezes nas últimas semanas. Eu fui viajar para a cidade onde eu morei antes de me mudar para São Paulo e eu amo ir para lá para renovar as minhas energias, como se os cenários onde eu cresci e passei os primeiros doze anos da minha vida pudesse me dar coragem para eu continuar a viver. Eu sinto muita falta de lá às vezes e eu estava precisando de alguns dias longe de toda a pressão que existe com faculdade e etc.
A última semana do NaNoWriMo está chegando e eu preciso escrever 18k em sete dias junto com provas para estudar, trabalhos para fazer e uma casa para cuidar. Eu estou otimista, porque eu tive várias ideias para a história nesse meio tempo e quero escrever em todo minuto que eu tiver a oportunidade. Eu vou escrever cenas independentes e me preocupar onde encaixá-las apenas na hora da revisão.
Não menos importante, o trecho do livro dessa semana! Espero que esteja bom.

Eu estava soluçando em meio as lágrimas. Eu estava me afogando em tudo aquilo, eu não estava conseguindo voltar para a superfície, eu iria morrer afogada. Meus pés estavam se movimentando e eu estava correndo para algum lugar aos prantos. Havia um buraco no meu peito, uma dor inexplicável, eu queria gritar até meus pulmões explodirem. Kaia estava correndo atrás de mim e eu corria para longe dela. Eu corri até minhas pernas bambearem e eu cair em seus braços, a grama estava úmida e gelada. 
- Valentina – ela estava sussurrando e seus olhos estavam arregalados de medo.
- Eu tenho medo, Kaia, de não ser tão forte como você.

0 comentários

POSTAGENS POPULARES

SIGA NO TWITTER