Unicórnio da inspiração

março 11, 2014

Viva os unicórnios da colina! Minha inspiração voltou! (dancinha da inspiração)
Depois de algumas semanas (ou meses) sem inspiração nenhum, eu tive que dar uma parada na escrita e focar nos estudos e essa semana eu tive aquele momento "lâmpada piscando em cima da cabeça" no meio da aula e consegui fazer o final da minha história e ainda fiz uma capa provisória.
A escrita está progredindo e estou naquele momento de tensão e tenho de fazer tudo ter sentido e é tanta informação que sinto que minha cabeça vai explodir! Mas é uma sensação tão boa :D
Consegui até resgatar meu caderno de escrita e estou andando com ele para cima e para baixo, porque não aguento mais escrever com os Post-Its na escola (sim, tenho três capítulos em Post-Its). A minha única decepção é o número de páginas, sei que o importante é o conteúdo porém não posso deixar de falar sobre a minha indignação e como nossa mente nos engana.
Estou escrevendo essa história que, na minha cabeça, é incrível! Ela vai ser linda e maravilhosa, ela vai ser digna de ser publicada e vai ser um livro lindo de se ter na mão; sua história vai ter drama e temas polêmicos. Esse livro é O sonho na minha cabeça e então vou colocar ela no papel e estou lá jogando todos os meus sentimentos no livro e toda aquela informação que surgiu na minha cabeça da noite pro dia e durante todo o processo de leitura. Então chego na metade do livro, na minha cabeça, e estou ansiosa porque, na minha cabeça, o livro já tem 150 páginas e quando eu vejo, no Word, toda aquela emoção e sentimento presa na minha cabeça deu nem 100 páginas!
Como isso pode ser verdade?! Tem tanta informação ali e como assim tem tão pouca páginas?! Sim, a falta de alguns detalhes pode ser a resposta ou apenas formatação mas está clara a minha indignação.
(Só queria deixar registrado esse momento de extrema indignação)
Minha meta é terminar a parte dois da história e entregar para alguém ler, apenas para ter a opinião de terceiros e alguma noção de caminha certo a percorrer.

0 comentários

POSTAGENS POPULARES

SIGA NO TWITTER